Quatro esposas??????

Leia em http://www.barbarasaleh.com/2008/11/11/quatro-esposas/

Anúncios

13 Responses to “Quatro esposas??????”


  1. 1 priscila e as meninas 11 de novembro de 2008 às 13:58

    ai amiga acho q ficaria em estado de choque tb! Isso tb mnunca será comum pra mim!!!bjksssss

  2. 2 Ciça 11 de novembro de 2008 às 15:23

    A comparacao foi realmente FDP, mas nao sei se me chocaria

  3. 3 Nadja 11 de novembro de 2008 às 16:03

    Quando eu era pequena, eu e minha melhor amiga queriamos ter o mesmo marido quando crescessemos, queriamos morar na mesma casa e tudo mais. Lembro que na festa junina, dançamos juntas com o mesmo garoto! Ele gostava dela na realidade, só me aceitou por que eu vinha junto, de brinde! hahahhahahaha E porque eu tinha ficado sem par, então eu teria que entrar em algum parzinho que escolhesse!
    hehehehe

  4. 4 lucia 11 de novembro de 2008 às 17:43

    Isso pra mim tb e’ bicho de 7 cabecas. Sei que e’ coisa de cultura, mas eu jamais aceitaria estar num relacionamento desses. Me desculpa eu dizer isso, mas bem feito pra aquele homem com colesterol alto, diabetes e etc… Ele escolheu essa vida nao e? Bjos

  5. 5 Beth/Lilás 11 de novembro de 2008 às 17:48

    Muito esquisito tudo isso, mas sabe que de tanto perguntarem e ouvirem estas perguntas os homens podem até ficar influenciados.
    Corta esse papo correndinho. hehe
    bj carioca

  6. 6 Lai 11 de novembro de 2008 às 17:52

    Concordo com você, se 1 mulher é difícil de se aguentar imagina 2, 3, 4…..que horror!!!!!!!!socooooooorooooo………..kkkkkkkkkkk.
    Mas se a mulher aceita quem sou eu para dizer alguma coisa. Desde que eu não estja incluido no contexto kkkkkkkkkkkkkkk.
    bjs

  7. 7 Ludi 11 de novembro de 2008 às 17:58

    menina só a graça né…
    Deus deve esta de boca aberta na no ceu…
    assim como vc ficou..

    bjoooo

  8. 8 Carol 11 de novembro de 2008 às 21:09

    Barbrinha,
    Venho acompanhando seu blog ja faz um tempo, e gosto muito, pretendo ir morar no Egito assim que concluir meus estudos, daqui 2 anos. Estou fazendo Engenharia de Produção, e gostaria de saber se tem mulheres no Egito que exerce esta fução e se existe pós graduação nesta área ou na área de Engenharia de Qualidade ou Planejamento.
    E tenho uma grade curiosidade, que na verdade até fico com vergonha de perguntar e talvez seja dificil vc me responder, mas estou aqui e resolvi criar coragem, a pergunta que não quer calar: como é a vida sexual, em geral de um casal Egipcio, mais em relação ao homem. E caso não possa responder ou não saiba desde ja eu agardeço e pesso desculpas. Fique com Deus e que tenha muitas benção em sau vida e de seu marido. bjs

  9. 9 sami 12 de novembro de 2008 às 14:34

    Olá Barbrinha!! Tb acompanho o blog há um tempão , aqui do Brasil, de vez em quando deixo comentários… Acho q esta história de poligamia nunca vai entrar na cabeça de brasileiras e ocidentais de modo geral. Além de td q já foi falado, acho q tb nos sentimos agredidas pelo machismo da situação.
    Mas, venho corroborar o pedido da Carol: se puder, por favor, fale a este respeito, pois tb morro de curiosidade… Sei q saberá faze-lo com muito tato!
    Antes de ler sobre esta cultura muçulmana, eu tinha a impressão de q a vida sexual dos casais seria como no tempo de nossas bisavós: sem comunicação, cheia de normas de conduta do q é direito e o q não é, cheia de tabus e insatisfatória para a mulher. Mas já lí uns comentários em alguns posts aqui e em outros lugares q não é bem assim… Então, confesso q morro de curiosidade de saber como a cultura mulçumana encara o sexo no casamento. Se puder responder, obrigada! Se não, td bem! de qq forma, parabéns pelo blog!!!

  10. 10 Ciely 12 de novembro de 2008 às 16:04

    Só pra fazer mais número nos que querem saber ….sobre oq carol e sami ai em cima estão pedindo! kkkk e tambem se eles( os noivos) podem falar sobre isso ( o ato em si )antes do casamento. Bjs Alah maik

  11. 11 Polly 14 de novembro de 2008 às 6:13

    Eiiiiiii, achei teu blog pelo “mundo pequeno”, achei bem interessante este teu post sobre a poligamia aí. Eu também ficaria boquiaberta:) curioso, pra mim, foi saber do stress que os homens passam, nunca tinha pensando nisso…”administrar” múltiplas mulheres deve ser dose mesmo, rs…

  12. 12 Luana 24 de janeiro de 2009 às 18:30

    Olha meninas me perdoem, mas discordo que poligamia seja absurdo…especialmente depois que vim morar em Salvador e aqui é a capital brasileira de mães sem marido e filhos com pais ausentes…desde então comecei a pensar sobre isso..os homens aqui (obvio que falo da cultura, nem todos são assim, mas a maioria do povão é sim) não assumem os filhos..a cultura é muito sexual e as meninas logo cedo têm filhos, mas os homens não se casam e não assumem financeiramente seus filhos. Aí eu pergunto, qual situação é melhor? A mulher se f…pra tentar sustentar seus filhos sozinhas em situação muitas vezes de miséra, ou se os homens sustentassem suas familias e se tivessem condições financeiras, terem mais de uma família? Vejo que aí ao menos as mulheres têm sua dignidade garantida, coisa que aqui no nosso Brasil…tá muito longe de acontecer…

  13. 13 Luana 24 de janeiro de 2009 às 18:32

    Agora não tiro o mérito…uma mulher só já dá trabalho (e olha que só conheço as brasileiras, que não são tão exigentes como tu diz que as mulheres daí são), imagina mais de uma egípcia? risos…mas se o cara acha que dá conta né? O que se vai dizer…deixa ele enfartar…kkkkkkkk


Comments are currently closed.



novembro 2008
D S T Q Q S S
« out   dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Mudamos!

Pessoal, o site mudou para casa própria, mas tá tudo lá! É só substituir aí nos seus favoritos o www.barbrinha.wordpress.com por www.barbarasaleh.com!

Os comentários aqui estão fechados, mas o bate-papo continua lá na casa nova. Não deixe de me visitar e participar!

Te vejo lá! Beijos e fiquem com Deus.


%d blogueiros gostam disto: