Gravidez no Egito – Parte 1

Leia em http://www.barbarasaleh.com/2008/12/15/gravidez-no-egito-parte-1/

Anúncios

12 Responses to “Gravidez no Egito – Parte 1”


  1. 1 Laura 15 de dezembro de 2008 às 12:22

    “O negocio é povoar o Egitão”
    hahahahaahahhhah

    Adorei!!!!!!

    beijossss

  2. 2 L.S. Alves 15 de dezembro de 2008 às 12:27

    Isso aí! Vamos encher o mundo de gente e depois o governo que se viré para alimentar esse povo todo.
    Barbára tem coisas que me dão nos nervos e uma delas é a ausência de projetos de controle de natalidade.
    Um abraço.
    Espero a continuação desse tema.

  3. 3 Ciça 15 de dezembro de 2008 às 13:31

    Mas Deus disse: crescei-vos e multiplicai-vos!!! Minha familia aqui nao é nada religiosa mas levou a sério essa ordem de Deus: um tem 4 filhos, outro tem 5, outro 3 e meu maridao recordista com SETE. E tu ainda me queres fazer emprenhar de novo?? Nao mana… gradicida!!

  4. 4 Daniele El Seoudi 15 de dezembro de 2008 às 13:46

    Assalamo aleikum!

    Pra mim, isso é um problema de ‘políticas públicas’ do qual o governo não está nem um pouco interessado em solucionar.

    Falta informação, falta atitude, falta compromisso político.

    Quem já pôde vivenciar sabe o que estou dizendo. No Egito acontecem coisas que ninguém acredita! Como essa por exemplo ‘tem que engravidar. E logo após casar!’.

    Dai a mulher vai no médico e não faz o preventivo. Acho q eles nem sabem o que é isso! Ah e para desmamar o bebe passa pimenta no peito porque é assim que o nene vai parar de mamar!!!

    Isso tudo prova o quanto o governo não está nem um pouco preocupado em informar, educar, estimular a busca pelo conhecimento. Afinal de contas (novamente) ”para quem conhece o sistema” esse sim é o objetivo. Indivíduo informado governo ameaçado!

    Desabafos à parte, Barbrinha cada vez melhor seu blog. Parabéns!

    M´salam.

  5. 5 Beth/Lilás 15 de dezembro de 2008 às 14:50

    Oi, minha querida!
    Poxa vida, tá gripada? Te cuida, porque agora com esse inverno começando é muito fácil ficar doente. Faça um xaropinho de gengibre que vai bem.
    Sobre a gravidez assim tão rápida logo após o casamento não é lá uma coisa muito boa, afinal o casal tem que se conhecer bem, curtir juntos um bom período e o melhor é depois de uns 3 ou 5 anos. Pelo menos é o que eu acho.
    Tô preocupada contigo sobre a gripona, depois mando um bat-mail, ok.
    bjs cariocas

  6. 6 Nadja 15 de dezembro de 2008 às 17:45

    Oi Barbrinha!!! Tudo reamente parece ser muito diferente ai, mas tambem interessante. Com tanta expectativa, imagina na hora em que vc realmente encomendar seu bebe!! Os egipcios vao ficar loucos hahahaha e a gente aqui tambem !!! Vcs tem algum plano? Para daqui a um dois anos?
    Minha prima mais velha e casada e eles estao tentando ter um filho, mas a primeira gravidez em um mes ela perdeu, ficou muito triste. Tinha passado meses se tratando para poder engravidar direitinho( pq ela e hipertensa, tem gastrite, etc…) Mas depois que ela melhorar , acho que vao tentar de novo hehehe

    Acho que pretendem ter um filho so…
    mas uma pergunta.. como funciona adocao ai? E comum? E quantos filhos cada familia costuma ter?

    Beijoooooooos

  7. 7 Ludi 15 de dezembro de 2008 às 17:51

    Pois é que coisa engraçada né…
    mas qnd vc arruma o primeiro querm saber qnd vem o segundo…
    o mundo nunca esta satisfeito..

    bjoo

  8. 8 Fê França 15 de dezembro de 2008 às 18:05

    Povoar o Egitão? hahahahaha adorei isso… beijo, querida.

  9. 9 teti 15 de dezembro de 2008 às 18:27

    o amigaaaa linda, e vc, qndo vai começar a se animar pra povoar o Egitão??? kkkkkkk
    beijos

  10. 10 kalita 15 de dezembro de 2008 às 19:42

    Oi querida, passei pra saber das novis e desejar um feliz semana pra vc
    :)Beijos

  11. 11 lucia 15 de dezembro de 2008 às 21:05

    Nossa, se de vez em qdo eu tenho que dar umas cortadas aqui e ate acabar sendo meio grossa, qdo certas pessoas insistem em perguntar qdo vamos ter filhos, imagina entao ai!

    Estamos casados ha mais de 7 anos e mesmo repetindo milhoes dezes que NAO queremos filhos, tem gente que nao entende. E eu ja cansei de repetir, por isso acabo sendo mal educada. Nos deixa! Casei com meu marido pois o amo e nao so pra reproduzir, vixe! Bjos


  1. 1 fertilidade.net » Blog Archive » Gravidez no Egito - Parte 1 Trackback em 25 de dezembro de 2008 às 7:05
Comments are currently closed.



dezembro 2008
D S T Q Q S S
« nov   jan »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Mudamos!

Pessoal, o site mudou para casa própria, mas tá tudo lá! É só substituir aí nos seus favoritos o www.barbrinha.wordpress.com por www.barbarasaleh.com!

Os comentários aqui estão fechados, mas o bate-papo continua lá na casa nova. Não deixe de me visitar e participar!

Te vejo lá! Beijos e fiquem com Deus.


%d blogueiros gostam disto: